segunda-feira, 16 de junho de 2014

AFINAL...

* Por Rosângela Ramos da Conceição 

Noite fria
Expectativas, medos e sutilezas
São noites longas, véspera de um inverno
As mãos pálidas que o tempo envelhece.
Levando da juventude as certezas.

Pensamentos levam-me a questionar
O que é verdade, ela existe?
Sentimentos perigosos contidos por 
Tempo, estabilidade ou falta de coragem?

Tudo que tenha dito pode ser apenas equívocos
Tudo que  vivi...
Meus olhos e o que vejo realmente 
são tardes azuis ou apenas vejo a superfície?

Questionar, questionar, questionar...
Justificativas, desculpas, análises
O tempo passa...
Sem ao menos permitir dizer valeu afinal...


* Rosângela Ramos da Conceição cursa Letras Vernáculas na Uefs.

4 comentários:

As mais visitadas postagens da Graduando

Graduandantes